CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO APROVA POLÍTICA DE INVESTIMENTO DO IPREVITA PARA 2021

0
142

Para cumprir a legislação pertinente aos investimentos dos Regimes Próprios da Previdência Social (RPPS), o Conselho de Administração aprovou, na segunda-feira (28), a política de investimentos do Instituto de Previdência dos Servidores Públicos do Município de Itapemirim (IPREVITA) a ser aplicada em 2021. A meta atuarial do IPREVITA é atingir o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (IPCA) acrescidos mais 5,42% de rendimentos ao ano.

 

Segundo o Presidente do Comitê de Investimentos do IPREVITA – José Carlos Rodrigues Coutinho, “esta política de investimentos tem como objetivo maximizar a rentabilidade dos seus ativos, buscando constituir reservas suficientes para pagamento dos benefícios presentes e futuro dos segurados do IPREVITA, levando em consideração os fatores de risco, segurança, solvência, liquidez e transparência”. De acordo com o relatório de novembro/2020, o RPPS de Itapemirim possui um saldo de R$ 206.488.009,02 (duzentos e quatro milhões, quatrocentos e oitenta e oito mil, nove reais e dois centavos.

 

A Política de Investimentos foi elaborada para permitir que a Diretoria Executiva do IPREVITA e demais órgãos ligados à gestão dos ativos adotem uma estratégia de alocação de recursos entre os diversos segmentos de aplicação e as respectivas carteiras de investimentos de acordo com o perfil de suas obrigações.

 

Os cenários e projeções econômicas para o ano de 2021 exigem que os RPPS, a fim de cumprir com seu objetivo de rentabilidade, atuem de maneira dinâmica aproveitando da melhor maneira as oportunidades existentes no mercado financeiro. Desta forma, a estratégia de investimento e desinvestimento nestes ativos levará em consideração dois aspectos: a expectativa de rentabilidade e o risco associado ao produto. “A partir da análise do cenário macroeconômico de curto e médio prazo, da avaliação dos riscos e das possibilidades de retorno, o IPREVITA efetuará os investimentos ou desinvestimentos dentre as diferentes classes de ativos”, concluiu José Carlos Rodrigues Coutinho.

 

CLIQUE AQUI E CONFIRA NA INTEGRA A POLÍTICA DE INVESTIMENTO DO IPREVITA PARA 2021!