PRIMEIRA REUNIÃO EXTRAORDINÁRIA IPREVITA 2021 – DIRETORIA EXECUTIVA E CONSELHOS DE ADMINISTRAÇÃO E FISCAL

0
358

Foi realizada, às 14:00 do dia 14 de janeiro de 2021, a reunião extraordinária da Diretoria Executiva com os Conselhos de Administração e Fiscal do IPREVITA. Seguindo a programação, que fora especialmente desenhada para atender às recomendações legais com relação à pandemia do COVID-19, o evento se deu de maneira online e presencial, contando com poucas pessoas na sede administrativa do IPREVITA e transmissão via Google Meet.

Este encontro, inclusive, marca o início do exercício do cargo de Conselheiro para os membros eleitos dos Conselhos de Administração e Fiscal (triênio 2021/2023), papel de alta relevância no acompanhamento e fiscalização das atividades contábeis e gerenciais do IPREVITA.

Em clima informal e de boas perspectivas quanto às atividades do ano que há pouco se inicia, a Diretoria Executiva do IPREVITA fez a abertura dos trabalhos, saudando a todos e apresentando os temas abordados.

O primeiro palestrante convidado foi o Dr. Domingos Augusto Tauffiner – Vice Presidente do Tribunal de Contas do Estado do Espírito Santo, que discorreu sobre a importância do papel dos Conselheiros para os RPPS e a imensa responsabilidade a eles incumbida, uma vez que os membros respondem juridicamente pela fiscalização dos atos e da correta condução da gestão dos institutos.

Em seguida, o convidado João Carlos Figueiredo, Presidente da Associação Brasileira de Instituições de Previdência Estaduais e Municipais (ABIPEM), endossou as palavras do Dr Domingos Augusto Tauffiner e deu prosseguimento ao tema sobre o comprometimento dos Conselhos e Conselheiros junto aos RPPS.

Em continuidade à programação, o Palestrante José Augusto Ferreira de Carvalho, atualmente Assessor da Presidência da ABIPEM (2020/2022) explanou, através de sua ótica de experiente gestor de Instituto de Previdência, sobre o contexto histórico da Previdência Social e o desenvolvimento da mesma através dos tempos, até o seu desenho atual.

Fechando o agradável momento de apresentação dos trabalhos, o encerramento se deu com a assinatura do Termo de Posse pelos Conselheiros presentes que, uma vez empossados e inteirados dos assuntos explanados, já seguem atuantes em seus deveres e atribuições.